Arquivo da categoria ‘Aventura’

c83d0a14cf48df812459ea8a60089fcc_jpg_290x478_upscale_q90

Título Original: The Avengers

Gênero:Ação, Aventura, Ficção, Ficção Científica

Direção:Joss Whedon

Sinopse: Loki (Tom Hiddleston) retorna à Terra enviado pelos chitauri, uma raça alienígena que pretende dominar os humanos. Com a promessa de que será o soberano do planeta, ele rouba o cubo mágico dentro de instalações da S.H.I.E.L.D. e, com isso, adquire grandes poderes. Loki os usa para controlar o dr. Erik Selvig (Stellan Skarsgard) e Clint Barton/Gavião Arqueiro (Jeremy Renner), que passam a trabalhar para ele. No intuito de contê-los, Nick Fury (Samuel L. Jackson) convoca um grupo de pessoas com grandes habilidades, mas que jamais haviam trabalhado juntas: Tony Stark/Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Steve Rogers/Capitão América (Chris Evans), Thor (Chris Hemsworth), Bruce Banner/Hulk (Mark Ruffalo) e Natasha Romanoff/Viúva Negra (Scarlett Johansson). Só que, apesar do grande perigo que a Terra corre, não é tão simples assim conter o ego e os interesses de cada um deles para que possam agir em grupo.

Finalmente foi lançado um dos filmes mais esperados desde o primeiro Homem de Ferro, Os Vingadores era considerado um sonho a alguns anos atrás, unir tantos heróis, tantos atores famosos era algo que parecia impossível.

imagem-de-os-vingadores-com-os-atores-jeremy-renner-chris-evans-e-scarlett-johansson-interpretando-gaviao-arqueiro-capitao-america-e-viuva-negra-1330112392909_560x400

Sempre que vou assistir a um filme, o que eu procuro é ter algo sentimento em relação ao filme, seja tristeza, empolgação, alegria. Se o filme me trouxe algum desses sentimentos, eu já considero um filme bom, só que Os Vingadores levou esse sentimento ao limite, nunca fiquei tão empolgado e feliz numa sala de cinema, nunca acabei de ver um filme com uma sensação de felicidade como eu sai na sessão desse filme, foi algo inexplicável.

Os-Vingadores-imagem-3-610x406

Dos personagens, como eu já tinha visto todos os filmes solos de cada um, você já conhecia a atuação de cada um em relação aos personagens, e essa atuação só melhorou. Robert Downey Jr. estava brilhante como Tony Stark, ele é a parte divertida do filme. Chris Hemsworth fez um Thor meio emotivo, pois que estava brigando com seu irmão, o que fez muitos não gostarem de sua atuação, mas na minha opinião ele foi um ótimo personagem. Chris Evans foi um verdadeiro capitão de toda a galera, me fez gostar do personagem do Capitão America.

Os-Vingadores-imagem-1-610x406

Mark Ruffalo era o diferencial, não foi ele que atuou como Hulk no filme solo, mas foi o melhor interpretação do personagem no cinema, alias o Hulk na hora que está com raiva se transforma em um dos personagens mais incríveis que já foi feito no cinema. Jeremy Renner consegue crescer com seu personagem um pouco menor, Gavião Arqueiro vira um grande personagem no meio de gigantes, e Scarlett Johansson faz o mesmo com sua personagem Viúva Negra, que no filme ela fica só como Natasha Romanoff. Tom Hiddleston fez o vilão Loki, que está muito mais importante que no filme do Thor, é ele a causa de todos acontecimentos do filme, de unir Os Vingadores, das brigas entre os heróis, tudo girava em todo do plano de Loki, e o Tom fez esse papel muito bem.

Os-Vingadores

Os efeitos especiais desse filme estão magníficos, são explosões e destruições no padrão de Transformers, só que por incrível que pareça, trazendo muito mais adrenalina e empolgação. Aquela cena final que é cheia de ação é algo assim incrível, é toda hora cenas assim que você fica impressionado, combinação de golpes de 2 personagens, e o Hulk faz coisas assim que é de ficar de boca aberta, só vendo para entender.

novafotohulk

Resumindo o que é Os Vingadores: é aquele filme que você sempre quis de super heróis, com uma boa história, bem dirigido com ótimas atuações e tem o principal e o mais importante: cenas de ação incríveis. Foi indiscutivelmente o melhor filme que eu vi numa sala de cinema.

Nota: 10/10 (um dos meus filmes favoritos a partir de hoje)

o-homem-do-futuro

Título Original: O Homem do Futuro

Gênero: Aventura, Comédia, Ficção Científica , Nacional

Sinopse: Na trama, Zero (Moura) é um cientista genial, mas arrogante e infeliz, que há 20 anos foi humilhado publicamente na faculdade e perdeu o grande amor de sua vida, Helena (Alinne Moraes). Prestes a ser demitido, Zero aciona, antes de totalmente concluído, o acelerador de partículas mais barato do mundo. O experimento dá errado, o cientista acidentalmente volta ao passado – e se vê diante da chance de alterá-lo.

O Homem Do Futuro - Clube do Filme 016

Cláudio Torres é o diretor e roteirista desse longa, ele também foi diretor de outros filmes conhecidos como ” A Mulher Invisível” e “Redentor”. Nós não assistimos nenhum desses longas infelizmente, então “Homem do Futuro” é o primeiro trabalho que vimos dele. Uma coisa que me incomodou um pouco são alguns ângulos que ele usa para filmar, que achei bem estranho. Só que esse pequeno defeito foi o único.Cláudio Torres consegue trazer personagens muito carismáticos, um roteiro simples, só que acaba sendo genial pelo seu encaixe. A genialidade do diretor ficou por conta de pequenas piadinhas durante o filme, que o deixam muito gostoso de se assistir.

o-homem-do-futuro-10-g

Wagner Moura tinha uma missão espinhosa para resolver nesse filme, tirar sua imagem de Capitão Nascimento, e você esquece disso, sua atuação aqui está magnífica. Com um personagem nerd e extremamente divertido, Wagner Moura demonstra que é um dos melhores atores do Brasil, se não o melhor. Alinne Moraes faz uma ótima dupla com Moura, além disso seu papel de bonitona e sentimental ficou ótimo, gostei muito da atuação dela. Fernando Ceylão, ator desconhecido, mandou muito bem. Mesmo com um papel coadjuvante ele rouba a cena em algumas horas. E tem também a Maria Luisa Mendonça, que é a que menos aparece, mas quando aparece dá conta do recado.

o-homem-do-futuro-02-590x393

Outro fator positivo de “Homem do Futuro” que chama a atenção, é a trilha sonora. Tem como base a música “Tempo Perdido” do Legião Urbana, em que o Wagner Moura e a Alinne Moraes cantam, mas também tocam várias outras ótimas músicas, como Creep e It’s The End Of The World.

o-homem-do-futuro-wagner-moura

Homem do Futuro surpreende por ser um filme divertido. Wagner Moura consegue tirar a imagem da sua cabeça do Capitão Nascimento, e além disso você sai cantando Legião Urbana. Vale o ingresso.

Nota: 8,5

57fed8a9fd788a336b8c79f7503169eb_jpg_290x478_upscale_q90

Título Original: Into the Wild

Gênero: Aventura, Biografia, Drama

Sinopse: Início da década de 90. Christopher McCandless (Emile Hirsch) é um jovem recém-formado, que decide viajar sem rumo pelos Estados Unidos em busca da liberdade. Durante sua jornada pela Dakota do Sul, Arizona e Califórnia ele conhece pessoas que mudam sua vida, assim como sua presença também modifica as delas. Até que, após 2 anos na estrada, Christopher decide fazer a maior das viagens e partir rumo ao Alasca.

na-natureza

Antes de começar a falar do filme, primeiro quero fazer o comentário que “Na Natureza Selvagem” é baseado numa história real do próprio Christopher McCandless. Não é uma história assim incrível, mas é algo que muitas pessoas sonham em fazer, que é sair do cotidiano e ir viver na natureza, sem dinheiro e comida, só com alguns itens para sobrevivência.

425.keener.hirsch.wild.101507
Quem teve coragem de adaptar essa história pros livros foi o jornalista Jon Krakauer, que leva o mesmo nome do longa, mas o filme em si foi adaptado pelo ator Sean Penn. Como diretor ele fez poucos trabalhos, mas esse acabou se tornando o mais conhecido, pois também é considerado seu melhor trabalho na direção. Enquanto assistia, não sabia que o Sean Penn foi o diretor, tanto que eu fiquei meio pensativo enquanto assistia, pois estava vendo um bom trabalho, e queria saber quem era o diretor. Sean consegue trazer para um longa metragem: uma boa história com uma ótima trilha sonora, boas atuações e uma bela fotografia e traz a história numa linha não cronológica que você vê o personagem mais pra frente e fica curioso para saber como ele chegou naquela situação, isso foi genial. É legal descobrir que um bom ator consegue fazer um bom trabalho como diretor, assim foi também com Mel Gibson em “Coração Valente” e Ben Affleck em “Atração Perigosa”.

2331727970_686c27952e
Como o personagem pretende ter uma vida solitária, todos os personagens que passam pelo filme tem rápidas passagens, mas algumas memoráveis. Cada pessoa que o Chris conhecia, ele aprendia algo novo e você espectador aprende também. É uma lição de vida mesmo. O ator Emile Hirsch que faz o papel do Christopher McCandless tem a aparência do verdadeiro, tanto que quando você vê a foto real, até assusta. E sua atuação é realmente muito boa, com ótimos tons dramáticos e acaba te convencendo.

natureza

Um filme que conta uma história real tão bonita, e é tão bem feito, realmente deve ser visto por todos, mas não indico ele só por isso. Depois que você assiste “Na Natureza Selvagem” você reflete sobre sua vida, sobre atitudes que você tem ou coisas que você pensa em fazer. É um longa metragem que você deve ver antes de morrer. Não é uma indicação assistir e sim uma obrigação.

Nota: 10

capitao-america-o-primeiro-vingador

Título Original: The First Avenger: Captain America

Gênero:Ação, Aventura, Ficção Científica

Sinopse: Nascido durante a Grande Depressão, Steve Rogers teve uma frágil juventude em uma família pobre. Horrorizado com as imagens dos noticiários sobre os nazistas na Europa, Rogers se alista no exército. No entanto, em função de sua saúde debilitada, ele é rejeitado. Atento ao esforço do rapaz, o general Chester Phillips oferece a ele a oportunidade se fazer parte de uma experiência… Operação: Renascimento. Depois de semanas de testes, Rogers finalmente recebe o soro de Supersoldado e é bombardeado com radiações. Steve Rogers emerge do tratamento com um corpo tão saudável quanto um corpo pode ser, sendo ainda humano. Ele é colocado então em um tático e intensivo programa de treinamento. Três meses depois, ele recebe sua primeira missão como Capitão América. Armado com seu indestrutível escudo e conhecimento de batalha, Capitão América passa então a lutar contra o Mal, se tornando o líder dos Vingadores.

Capitão América é o último filme da Marvel antes do lançamento de Os Vingadores, e a expectativa era grande, também, do jeito que o povo americano é patriota, eu esperava o melhor filme da Marvel assim disparado.

Capitão-América-O-Primeiro-Vingador

Joe Johnston foi escolhido para esse desafio, ele que já dirigiu muitos filmes conhecidos como Jumanji, Pagemaster, Querida, Encolhi as Crianças e Jurassic Park 3. Um diretor que teve altos e baixos em suas produções, aqui ele acerta mais do que erra. Ele abusou muito de explosões, cenas exageradas do herói, bem característica de filmes dos anos 80, algo que eu gostei. O ambiente da 2a. guerra ficou muito bem feito, e essa mistura com armas “futurísticas” não se tornou algo que me incomodou. O roteiro ficou bom, porém previsível, para quem espera ter alguma surpresa com a história, vai se decepcionar.

Captain-America-First-Avenger-movie-image-17

Chris Evans mandou muito bem como Capitão América, tanto na fase que ele está magro, como na fase que ele toma o soro do super soldado, a atuação é ótima, ainda mais para quem conhece o ator e sabe que ele fez trabalhos bem fanfarrões ( como o Tocha Humana no Quarteto Fantástico). Ele tem um amadurecimento durante o filme, e é perceptivo isso, admiro muito quando alguém consegue mudar apenas algumas atitudes do personagem no decorrer do tempo. Sua fantasia também ficou muito bem feita, totalmente modificada da clássica feita nos desenhos. Alias essa clássica para quem não a conhece bem também é mostrada no filme como uma brincadeira.

Capitão América O primeiro vingador- 1

Além dele temos o personagem da Hayley Atwell, a Peggy Carter, não é um personagem frágil e só está lá para sem conquistada, é uma mulher forte que participa ativamente da história, gostei muito dessa personagem. Tommy Lee Jones é o Coronel Chester Phillips que faz um coronel durão e ao mesmo tempo com um tom humorístico, ficou bem divertido. E por final o grande vilão o Caveira Vermelha interpretado pelo ator Hugo Weaving, que acabou sendo o ponto fraco, pois acabou sendo um dos vilões mais sem graça de todos os filmes da Marvel. Apesar de que nos quadrinhos ele é um dos mais conhecidos.

capitao-america-comando

Capitão América não foi o filme épico que eu pensei que seria, e sim trouxe para o público, como se ele fosse daqueles heróis que foram várias vezes produzidos nos anos 80, ou seja, é sim um ótimo filme de herói. Procura um bom filme de ação e aventura, sim Capitão América é um dos melhores do ano nesse quesito.

Nota:9

Cartaz-Harry-Potter-Reliquias-da-Morte-parte-2

Título Original: Harry Potter and the Deathly Hallows – Part II

Gênero:
Aventura, Fantasia, Mistério

Sinopse:
Na segunda parte do final épico da série, a batalha entre o bem e o mal no mundo da magia se torna uma guerra entre centenas de bruxos. Os riscos nunca estiveram tão altos e nenhum lugar é seguro o suficiente. Assim, Harry Potter precisa se apresentar para fazer o seu último sacrifício, enquanto o confronto final com Lorde Voldemort se aproxima. Tudo acaba aqui.

Harry-Potter-e-as-Relíquias-da-Morte-Parte-2

Uma das maiores franquias que já existiram chegou no seu último filme, fãs com certeza iriam gostar do filme, mesmo se fosse fraco, mas mesmo assim, ficaram surpreso com o melhor filme da série. David Yates deixou realmente o melhor para o final. Quem esperava o filme mais logo de todos já se surpreende que ele é o menor ( com 120 minutos). E nesse tempo todo você deparar com várias informações vindo pra você, várias cenas de ação, é uma mistura de sentimentos muito intensas, como poucas vezes vi no cinema. Além disso a adaptação do livro ficou muito boa, a estratégia de dividir a história do livro em 2 filmes foi realmente genial. Deixando as melhores cenas realmente pro final, além disso deu pra fixar bastante na parte sentimental dos personagem.

harry-potter-e-as-reliquias-da-morte-parte-2-2

Algo que deve se focar também é na interpretação de todos os personagens, que sem dúvida está fenomenal. Mesmo com atores que são fracos como o próprio Daniel Radcliffe, mas sua experiência de 10 anos fazendo o mesmo papel, dessa vez foi o filme em que ele mais acertou. Quero chamar a atenção para o ator Matthew Lewis que faz o personagem do Neville Longbottom que chama atenção com o seu carisma.

Harry-Potter-e-as-Reliquias-da-Morte-Parte-2_48

Uma marca registrada nos filmes do Harry Potter é a trilha sonora monstruosa, e aqui não é diferente, e além disso a qualidade do som e dos efeitos especiais é algo incrível. Como esse filme é o mais agitado de todos, as cenas com golpes de magia são rápidas e muito bem feitas.

assistir-filme-harry-potter-e-as-reliquias-da-morte-parte-2

A saga Harry Potter acaba com o melhor filme da saga indiscutivelmente, consegue fazer duas horas passar extremamente rápido e tende a agradar a todos que assistem. É daqueles tipos de filmes que você pode assistir várias e várias vezes e você nunca vai enjoar, porque realmente é prazeroso assistir

Nota: 10

Sucker Punch

Publicado: julho 8, 2011 em Ação, Aventura, Fantasia, Filmes, Suspense

b89d8af5ef679239ee5e29b4517ae80d_jpg_195x289_upscale_q90

Título Original: Sucker Punch

Gênero:
Ação, Aventura, Fantasia, Suspense

Sinopse: Snyder criou seis grandes mundos para contar a história de Baby Doll (Emily Browning), uma garota enviada a um manicômio depois que seu padrastro descobre que ela é a única herdeira da mãe. O objetivo do homem é lobotomizá-la, para que a fortuna fique em suas mãos. A menina descobre então que tem apenas cinco dias até que o cirurgião chegue – e a pressão faz com que ela se refugie em sua própria mente. Na imaginação de Baby Doll, o asilo para insanos vira um bordel – de onde ela pode escapar com a ajuda de quatro amigas, enfrentando missões impossíveis.

sucker_punch_mundo_surreal_24

Zack Snyder, nos seus últimos filmes, garantia sempre um visual muito bonito, assim foi com Watchmen, 300 e A Lenda dos Guardiões, só que em Sucker Punch ele superou todos esses trabalhos anteriores. Ele utilizou um visual bem escuro, com muitas cenas de ação em computação gráfica, que deram um efeito bem divertido ao filme, ele não se preocupou em disfarçar o que é computação gráfica ou não, ela bem visível. Além disso, Zack conseguiu trazer uma ótima equipe de atores e os fez trabalhar super bem, a equipe inteira teve uma química bem legal. Tem que se dizer que o roteiro também é muito bem elaborado, é uma história inteligente, que tem que ser interpretada pelo espectador, mas nada além disso, não é também algo que você tem que ficar rachando a cabeça para entender, a história tem um começo e um fim.

sucker-punch-30-12-2010_01

Emily Browning faz o papel principal da personagem com o nome de “Baby Doll”, e ela faz muitíssimo bem, é uma personagem delicada, e ao mesmo tempo sexy, as vezes tem que demonstrar frieza, e as vezes sentimento, é um papel dificil, mas Browning atuou muito bem. Sua equipe que era formada mais com as atrizes: Abbie Cornish, Vanessa Hudgens, Jena Malone. Como já dito, é muito legal a interação entre as meninas, dá um charme a mais no filme, pois elas se ajudam e tal, e aquela amizade com essa química convence ainda mais.

Sucker-Punch_14Mar2011-08

Como todo bom filme de ação, tem que ter uma ótima trilha sonora, e em Sucker Punch a trilha é fenomenal, além disso, as cenas com computação gráfica, como já dito lá no começo, ficaram muito bem feitas e traz uma emoção ao espectador, ficou ótimo.

sucker_punch2

Sucker Punch é um ótimo filme em todas as categorias que ele é considerado, caso você procure um filme de ação, ou de aventura, ou de fantasia ou de suspense, aqui você encontra tudo isso com qualidade. É um filme empolgante e divertido, com um ótimo roteiro e muito bem trabalhado. Indico para todos.

Nota: 10

Titanic

Publicado: junho 22, 2011 em Aventura, Drama, Filmes, História, Romance

01417422c8ab38876801a457f7004c89_1_jpg_195x289_upscale_q90

Título Original: Titanic

Gênero:
Aventura, Drama, História, Romance

Sinopse: Uma expedição aos destroços do Titanic leva uma sobrevivente do naufrágio a relembrar uma grande história de amor que viveu no navio. Em 1912, na única viagem do que então era o maior navio já construído, Rose (Winslet) é uma jovem da alta sociedade prestes a se casar com seu rico noivo. Mas a bordo do Titanic ela conhece Jack Dawson (DiCaprio), um jovem simples e aventureiro, e se apaixona pelo rapaz. As diferenças sociais fazem com que muitos se oponham ao relacionamento que surge. Em meio ao intenso romance e à rebeldia dos dois, acontece o trágico acidente, que eles enfrentam juntos.

Depois de muitos pedidos de um amigo meu ( @victorpiacenti) finalmente resolvi assisti, esse que é um dos 3 maiores vencedores do Oscar.

titanic

James Cameron é um gênio, isso é inegável, um dia pesquisei um pouco sobre o trabalho dele, e ele faz loucuras por coisas pequenas em seus filmes, ele gosta de tudo do jeito que ele quer, admiro muito ele por sua criatividade, mas como roteirista, só faz o básico, e em Titanic é a mesma coisa, roteiro bem simples, mas a magia vem com seu trabalho como diretor, e que trabalho. James Cameron consegue fazer um dos elencos com a maior sinergia que eu já vi, não só isso, mas as câmeras que ele usa, algumas você percebe que ele usou como referência de outros filmes, é de um trabalho técnico perfeito. O mais mágico que Cameron fez foi transformar várias cenas desse filme em cenas épicas, memoráveis, isso faz também o longa ser único e especial.

Titanic(230910120636)Titanic_5

A trilha sonora que acompanha todo o longa é magnifica, tão bem encaixada, que as emoções no filme são mais fortes, graças a trilha muito bem escolhida. Além disso, todo figurino, cenário, estão muito bem feitos realmente, os Oscars que esse filme recebeu foram bem dados.

1305835837_titanic_12884_medium

Leonardo DiCaprio e Kate Winslet fazem um dos melhores casais já feitos em um filme, a combinação dos dois é muito perfeita, e isso se valoriza muito bela boa atuação de ambos, puxo um pouco pro lado da Kate, que no começo achei que ela ia fazer um papel chato, mas não, em algumas cenas, mesmo sem ela dizer nada, seu rosto demonstrava seus sentimentos, uma sensação tão forte assim numa atuação eu só tinha visto uma vez, com a Sandra Bullock em “Um Sonho Possível” . Não só eles, mas o elenco inteiro de atores estão muito bem.

1305835837_titanic_12883_medium

Se formos dividir o filme em 2 partes, ou seja, antes do navio bater no iceberg e depois, dá praticamente o mesmo tempo de filme ( 1h30), a primeira parte, é perfeita, é o tempo de explicar como era a vida do Jack e da Rose antes de se conhecerem, como era o comportamento, depois como eles se conheceram e porque um começou a gostar do outro, esse desenvolvimento na primeira parte do filme é perfeita. Já a segunda parte do filme é a mais agitada, mas achei exagerado todo esse tempo de tensão, eu fiquei cansado até, tinha partes desnecessárias, que poderiam deixar as cenas mais rápidas e passar ainda mais a tensão que o James Cameron queria.

1305835841_00296

Titanic me surpreendeu positivamente tanto no técnico como no emocional, filme ganhador de 11 Oscars merecidos, talvez até merecia mais, pelo fato da Kate Winslet não ter ganho de melhor atriz, mas digo pra vocês, é um filme obrigatório para todos que gostam de cinema.

Nota:9,5